Quinta-feira, 28 de Dezembro de 2006
Abandonar consumo de tabaco é única forma de diminuir risco de morte
" Normalmente, quando um fumador activo não consegue abandonar o vício do tabaco é aconselhado por especialistas a reduzir a quantidade diária de cigarros, no entanto, investigadores do Norwegian Institute of Public Health, alertam que isso é um engano e que a única forma de reduzir o risco de morte precoce devido ao consumo de tabaco é desistir por completo do vício.

Os resultados de um estudo desenvolvido a longo prazo na Noruega e que envolveu 24 959 homens e 26 251 mulheres, entre os 20 e os 49 anos, estão publicados na actual edição de Dezembro do jornal científico Tobacco Control.

«Em ambos os sexos, uma redução no consumo de cigarros até menos de 50% não está associada com um menor risco significativo de todas as causas de morte e, especialmente, de morrer de doença cardiovascular ou cancros relacionados com o tabaco», escrevem os cientistas no Tobacco Control e adiantam que, «por esta razão, uma redução no consumo não parece acarretar redução nos danos».

O estudo decorreu durante 20 anos e os indivíduos envolvidos foram divididos por vários grupos: um de não fumadores, outro de indivíduos que fumavam mais de 14 cigarros por dia e um último de pessoas que no inicio do estudo fumavam 15 cigarros e reduziram para metade a quantidade diária ao longo do tempo.

A avaliação do risco de morte precoce abrangeu uma série de causas motivadas pelo consumo de tabaco como doenças cardiovasculares, cancro do pulmão e vários tipo de cancro relacionados com o consumo de cigarros.

Os especialistas chegaram à conclusão que, «nas pessoas que fumavam em grande quantidade, homens e mulheres, que reduziram o seu consumo diário de cigarros para menos de 50%, a mortalidade de todas as causas combinadas não é reduzida comparativamente com a mortalidade naqueles que continuam como fumadores persistentes ou aqueles que não reduziram o seu consumo até 50%».

Para além disso, pode ler-se no Tobacco Control que, «para a mortalidade de todos os casos e para a doença isquémica cardíaca, a doença cardiovascular e cancros relacionados com o tabaco, não houve uma diminuição significativa no risco nos indivíduos que reduziram comparados com os fumadores permanentes».

Com base nos resultados do estudo norueguês, os investigadores são peremptórios ao afirmar que «o estudo mostra, de forma clara, a única forma segura de sair do risco provocado pelo tabaco», já que, «as pessoas que deixam de fumar atingiram um nível de risco que é, significativamente, menor do que naqueles que continuam a fumar».

Os cientistas acreditam ainda que «na educação da saúde e no aconselhamento aos pacientes, pode-se dar às pessoas falsas expectativas ao aconselhar que a redução do consumo está associada com a redução dos malefícios»."

                                     in_tvciencia
Pra identificar:
gatafunhado por gringa às 11:06
vê onde tá | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


Mexe-te - O Eu

Mexe-te - quem sou?

Mexe-te - seguir perfil

Mexe-te - prokura por aki
 
Mexe-te - Agosto 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31
Mexe-te - antiguidades

Mexe-te - Agosto 2007

Mexe-te - Janeiro 2007

Mexe-te - Dezembro 2006

Mexe-te - Outubro 2006

Mexe-te - Setembro 2006

Mexe-te - Agosto 2006

Mexe-te - Pra identificar

Mexe-te - "Tecnológiquices"

Mexe-te - A Ciência e a Vida

Mexe-te - a ciência e a vida

Mexe-te - actualidade

Mexe-te - Educação

Mexe-te - todas as tags

Mexe-te - Ligações
Mexe-te - os mais recentes

Mexe-te - Ilusão simula experiência...

Mexe-te - Terá uma seca a nível mun...

Mexe-te - Duas espécies tornam-se u...

Mexe-te - Alterações climáticas est...

Mexe-te - Golos geram golos!

Mexe-te - Florescimentos de plâncto...

Mexe-te - Tumores cerebrais atacam ...

Mexe-te - Dieta rica em leite pode ...

Mexe-te - Relatório chama a atenção...

Mexe-te - Serão as experiências de ...

Mexe-te - Um comprimido para combat...

Mexe-te - Terá a Terra semeado Vida...

Mexe-te - Ter-se-ão os Homens moder...

Mexe-te - Terá sido inevitável o su...

Mexe-te - Algodão sem toxinas pode ...

Mexe-te - Químico dá novo alento ao...

Mexe-te - Pequenos animais levitado...

Mexe-te - Aumento do oxigénio antec...

Mexe-te - Descoberta brilhante na p...

Mexe-te - Mutação pode eliminar dor

Mexe-te - Nascimentos virgens de dr...

Mexe-te - O mamífero que cheira deb...

Mexe-te - Sensores inerciais inteli...

Mexe-te - Teletransporte de informa...

Mexe-te - Programa de computador po...

Mexe-te - Telemóveis e portáteis co...

Mexe-te - OCDE: Profunda reforma no...

Mexe-te - NASA leva público a viaja...

Mexe-te - Identificado novo gene qu...

Mexe-te - Proteína hereditária que ...

Mexe-te - Mulheres precisam duas ve...

Mexe-te - Chuva em excesso pode des...

Mexe-te - Telemóveis podem ter impa...

Mexe-te - Possibilidade de existênc...

Mexe-te - Genes não codificados pod...

Mexe-te - Terapia Hormonal pós-meno...

Mexe-te - Vírus geneticamente modif...

Mexe-te - Transplante de células re...

Mexe-te - Homem moderno transporta ...

Mexe-te - Substância descoberta na ...

Mexe-te - Feixes de radiação por an...

Mexe-te - Sequenciação de ADN de Ne...

Mexe-te - Variações no genoma human...

Mexe-te - Identificada possível ori...

Mexe-te - Cancro é a segunda causa ...

Mexe-te - Neandertais e Homem Moder...

Mexe-te - Abandonar consumo de taba...

Mexe-te - Odor pode funcionar como ...

Mexe-te - Sistema nervoso de caracó...

Mexe-te - União Europeia financia v...

Mexe-te - subscrever feeds